Aplicações de impressão tridimensional

10:20 am Biotecnologia, Inovação

Ano passado eu escrevi sobre impressoras tridimensionais, ou fabbers. Estas máquinas, capazes de criar objetos tridimensionais de diversos materiais a partir de projetos computadorizados, estão se tornando cada vez mais populares e já foram assunto até de uma breve história do Cory Doctorow, Print Crime (em inglês). Naquele post falei principalmente de equipamentos para impressão, e agora vou falar de algumas das aplicações mais bacanas dessa tecnologia.

A Shapeways é um marketplace que oferece impressão 3D sob demanda. Eles possuem uma galeria de objetos que você pode imprimir, com a possibilidade de personalizar o projeto em alguns casos. Os modelos disponíveis incluem brinquedos, jóias, esculturas, maquetes e muitos outros, como o cubo de Rubik abaixo. Você pode também criar seu próprio projeto 3D, e eles oferecem ferramentas para facilitar a modelagem. E você pode criar sua própria loja dentro do ambiente deles, vendendo seus projetos.

Cubo de Rubik da Shapeways

Cubo de Rubik da Shapeways

Outra aplicação útil é a fabricação sob demanda de peças de reposição para equipamentos que já não são mais fabricados. O comediante e apresentador de TV Jay Leno, por exemplo, tem uma coleção enorme de carros antigos, alguns com mais de um século de idade. Ele tem a própria oficina para manutenção da coleção e, quando precisa trocar uma peça de um carro muito antigo, como esse carro a vapor de 1907, ele usa um scanner 3D e uma impressora de metal para gerar a nova peça, com dimensões perfeitas.

Mas a aplicação até agora mais revolucionária é para medicina. A Organovo, uma startup de San Diego, California, criou uma bioimpressora para medicina regenerativa. A bioimpressora, que está sendo implantada em laboratórios de pesquisa em medicina regenerativa ao redor do mundo, já é capaz de produzir tecidos simples, como pele, músculos e pequenos vasos sanguíneos. Os planos dos cientistas da empresa são de, em menos de dez anos, produzir vasos sanguíneos para tratamento de infarto, eliminando a necessidade de pontes de safena. Com mais pesquisa, será possível contruir estruturas mais complexas e, talvez algum dia, órgãos artificiais.

Um kit Makerbot

Um kit Makerbot

E para quem quer brincar com essas impressoras como hobby, a Makerbot vende kits de impressoras, assim como os suprimentos para impressão. Os kits custam a partir de US$750,00, e são bem feiosos, mas a qualidade da impressão é razoável. Embora os resultados não se aproximem do que é possível com impressoras industriais, essas custam cem vezes mais…

Eu quero um brinquedo desses no dia das crianças ;-). O que você faria com um?